Projeto Ecosol Territorial avança na região do Bico do Papagaio

Foto: Carlessandro Souza / Governo do Tocantins

Uma equipe técnica da Secretaria do Trabalho e Assistência Social (Setas) visitará a partir de segunda-feira, 12, os municípios de Esperantina, Sampaio, São Miguel do Tocantins, Carrasco Bonito, Axixá do Tocantins, Araguatins, e Augustinópolis na região do Bico do Papagaio, para tratar com prefeitos e equipes municipais sobre assuntos referentes ao Projeto Ecosol Territorial.

Durante a passagem pelos municípios a equipe da Setas realizará o monitoramento das ações de Economia Solidária desenvolvidas na localidade, a identificação do espaço físico para instalação de um ponto de apoio a Economia Solidária, além de se reunirem com a secretária municipal de Assistência Social e selecionar juntamente com a sociedade civil o representante que viajará para conhecer empreendimentos solidários em Fortaleza –Ce.

Todo o trabalho será feito com a colaboração dos agentes de Economia Solidária que já estão trabalhando nos município desde a capacitação oferecida pelo Ecosol, em abril de 2017. Dependo das necessidades de cada localidade os agentes podem sugerir mais encontros ou atividades.

Reprogramação do Projeto

De acordo com a gerente de Inclusão Produtiva da Setas, Mara Noleto, o Projeto Ecosol Territorial a princípio dispunha de R$ 2 milhões 370 mil em recursos, mas devido ao contexto político e econômico do país a Secretaria Nacional de Economia Solidária reduziu os aportes financeiros o que obrigou a Setas a reprogramar as ações de forma a executar o Projeto com os R$ 840 mil agora disponíveis. Devido as mudanças, a gerente explica: “Nossa intenção com essas visitas aos municípios é nos reunir com a comunidade e expor o ocorrido, mostrando o que será possível ser feito com as novas quantias de recursos. Apesar da grande redução muito já foi feito e acreditamos que o Ecosol trará um grande avanço à política de Economia Solidária de nosso Estado”. Afirmou.

Sobre o Ecosol

O Projeto Ecosol Territorial é proveniente de um convênio entre a Setas e o Ministério do Trabalho e Emprego, por meio da Secretaria Nacional de Economia Solidária, tem como objetivo fortalecer organizações de Economia Solidária nos territórios do Bico do Papagaio, Jalapão e região Sudeste do Tocantins com o intuito de promover o desenvolvimento social e a erradicação da pobreza do Estado.

Etapas do projeto já executadas

Cerca de 60% do Projeto já foi concluída. Entre as metas executadas está a contratação e capacitação de 17 agentes de Desenvolvimento Local e Economia Solidária para atuar como formadores de opinião sobre a Política Nacional de Economia Solidária em suas respectivas áreas; foram sete agentes para o território do Bico do Papagaio, cinco para a região do Jalapão e cinco para a região Sudeste do Tocantins. E 90% dos bens permanentes já foram adquiridos.

Comentários do Facebook
COMPARTILHE